Se você não assistiu a winter finale de How To Get Away With Murder é melhor parar por aqui, pois o texto contem spoilers bombasticos.

Depois de nove episódios tirando personagem atrás de personagem da lista de possíveis mortos, o mistério foi respondido e vimos finalmente quem estava sob o lençol, quem havia morrido no incêndio na casa de Annalise Keating. E a resposta chocou muita gente por se tratar de um personagem que aparentemente estava salvo. Se trata do queridinho de Annalise, Wes Gibbins (Alfred Enoch).

Com tudo apontando para o final do namorado de Annalise o roteiro deu uma volta em si mesmo e vimos que ao contrário do que pensávamos Wes havia passado a tarde na delegacia, e não a noite como deu a entender. E na hora do incêndio ele estava na casa da professora, junto de Laurel e Nate.

O produtor Peter Nowalk falou sobre a terrível decisão de escolher alguém e chegar justo no personagem que parecia intocável e tão necessário para a trama.

“Ele(Wes) era o coração da série, então realmente queria fazer algo que afetasse todos os personagens. Mudei de ideia várias vezes. Fiquei apavorado de pensar como seria HTGAWM sem ele, mas pensei como Shonda Rhimes me aconselhou a sempre ir pelo caminho do terror.”

Apesar desse fim trágico para o personagem Alfred Enoch ainda vai aparecer na segunda metade da terceira temporada, já que agora fica o mistério do real motivo da morte de Wes, que já estava morto quando a casa de Annalise explodiu.

How To Get Away With Murder volta com episódios inéditos a partir de 19 janeiro.

 

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM