Ai Flash! Sou eu ou é você? O episódio 4X02 de The Flash foi básico. Meta-humano da semana e um pouco de drama. Mas tem algo fora do rumo na série e eu não consigo dizer o que é. Não sei se são os personagens mal aproveitados ou o texto mesmo. Não sei se é a demora em entrar em coisas que queremos realmente ver ou o foco na Íris e em problemas que já deveriam ter sido resolvidos…. Ah! Vamos por partes.

Primeiro com relação aos personagens. Tudo envolvendo Kid Flash estava estranho. Desde o penteado até a luta dele e do Flash com o vilão da semana. Kid Flash estava meio morto, lerdo, servindo para nada. O Wally não é desse jeito. Não sei o que os roteiristas estão planejando, mas se é pra ser ruim assim, melhor arranjar um trabalho para ele em alguma outra terra.

Outro que estava muito chato nesse episódio era Cisco. Chatíssimo. Ele é meio convencido e cheio de ideias, mas dessa vez estava demais. E a história dele com a Gypsy que tentaram incluir nesse episódio, já cheio de coisas que ninguém queria ver, fez tudo pior. Não tinha absolutamente nada a ver com nada.

Barry está animado demais. Isso é decorrente do tempo dele na Speed Force e é isso que queremos ver, as consequências desse período da vida dele. Mas resolveram focar num drama de casal que estava no lugar errado. A Íris ficar irritada com Barry sendo egoísta e resolvendo tudo por si só, tudo bem, mas a essa altura ela reclamar que ele foi pra Speed Force e a deixou, não foi legal. Iris realmente sabe de quem ela é noiva? Não tinha entendido ainda que ele precisou fazer o que fez? Acho que a CW pensa que está faltando drama em Flash e estão cavando, tentando achar um. Mas esse aí não serve mais não. Apesar disso, foi engraçadinho vê-los na terapia de casal.

O vilão da semana. Ah! Um poço de estereótipos em tudo envolvendo o vilão Kilgore e a quem ele perseguia. Gênios da tecnologia: asiáticos e o gordinho solitário. Nice! Só que não. Mas tudo bem, vamos relevar. Aliás, alguém mais fez uma associação assim, meio por cima de Kilgore com o vilão da Marvel, Kilgrave? Até os tons quando Kilgore agia eram roxos, assim como Kilgrave. Além disso, somos informados que o vilão não estava na explosão do acelerador de partículas. Seus poderes foram dados por alguém. Outro Savitar na parada? Aquele ser que aparece apenas no final dos episódios, para dar aquele ganchinho maroto, está ou não por trás disso?

E o episódio todo é isso: Luta com o vilão, drama da Iris, uma história paralela para o Cisco que ninguém quer ver, Caitilin falando três frases e Wally totalmente deixado de lado. Meh.

Resumindo, The Flash está esquisito. Não sei se o problema é comigo ou com a série, mas…

Creio que The Flash está entrando naquela fase das séries da CW em que fica difícil acompanhar. Você tenta pelo amor que carrega, mas se questiona o tempo todo se não deveria estar fazendo outra coisa. Vamos esperar e ver no que dá.

Destaques:

  • Flash desfazendo um carro todo só com um tipo de chave. UAU
  • Os efeitos especiais estão bonitos. Foi legal ver Barry, sem uniforme, salvando Joe da granada. Deu uma satisfação.
  • Kilgore controlando o uniforme do Flash deu um choque de realidade em Cisco e em todo mundo. Foi massa!
  • E Flash usando o telefone público! Boa sacada!

 

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM